A partir dessa fase virtual que ficamos condicionados no período da pandemia, surgiu a ideia de reconectar músicos que tive o prazer de tocar ao longo desses anos.
Alguns foram parceiros em Pelotas que depois deixaram a cidade e outros cruzaram o caminho fora de Pelotas.

O primeiro reencontro dessa série foi com Tonzé Amora, mineiro de Ponte Nova que absorveu o estilo de seu conterrâneo João Bosco dando um toque especial às suas execuções.

A parceria, que durou o tempo que fiquei em Salvador, teve início a partir de um encontro proporcionado por Fernando Menezes, bandolinista com uma grande facilidade de compor, e responsável também pelo meu início no processo de composição.

A primeira música selecionada chama-se Valsa do Fernando, composta no início dos anos 2000. A seguinte, uma música de Avena de Castro denominada Evocação a Joacb. 

O parceiro de hoje é Hélio Luis de Paula Fernandes, vulgo "Ise".

Foi quem me convidou a conhecer o "reduto" de passofundenses músicos em Pelotas, a partir do qual se formou o Regional Roupa Velha em Pelotas (1978-1982). Foi também através dele que se propiciou minha ida e permanência em Salvador sendo ele o primeiro a ouvir, incentivar e tocar minhas composições. Em 26/11/99, participamos de um programa na Rádio Excelsior onde, pela primeira vez, executei uma composição. Essa mesma composição, denominada "Valsa Alegre", escolhemos para esse projeto.